z35W7z4v9z8w 10 dicas de cuidados com cabelos descoloridos - Um toque de framboesa

10 dicas de cuidados com cabelos descoloridos

Está pensando em descolorir? Já descoloriu e não está sabendo deixar os cabelos bonitos e saudáveis? Quer aprender algumas dicas especiais de cuidados? Pois o post de hoje vai ter muitas dicas de cuidados para quem quer ter um cabelo descolorido lindo, saudável e sedoso!

Apesar do post ser mais voltado para quem cabelos despigmentados quimicamente, muitas dessas dicas servem também para quem não tem cabelo descolorido, já que mesmo cabelos naturais estão expostos a agentes como o vento e sol que também comprometem a saúde dos fios.

como cuidar de cabelos descoloridos
 A descoloração é um processo para retirada da pigmentação natural do cabelo necessário quando se quer clarear a cor das madeixas (tem outras formas de clarear os fios, maaas isso é assunto para outro post!), seja para clarear todo o cabelo ou para fazer luzes, mechas, ombré hair e etc. Para tal processo, é necessário utilizar pó descolorante e um oxidante, ou tinta clareadora (que tem poder de clareamento bem menor do que o descolorante). 

O maior problema da descoloração é que, ao retirar o pigmento dos fios, o procedimento retira também nutrientes do cabelo, por isso é um processo tão agressivo, especialmente para quem tem cabelos escuros e deseja obter tons muito claros, sendo necessário ter cuidados especiais depois da descoloração.

Vamos às dicas:

1 - Descolorir apenas se seu cabelo estiver saudável
Essa é uma dica pré-descoloração e é de suma importância, pois o estado do seu cabelo antes da descoloração vai determinar se você ainda vai ter cabelos após o processo...um cabelo frágil não suporta tão bem um procedimento agressivo como esse tanto quanto um cabelo saudável, obviamente, por isso as chances de ter corte químico e um cabelo detonado (e, algumas vezes, irrecuperavelmente danificado) após descolorir são altíssimas. Como tratamento pré-descoloração, recomendo o Cronograma Capilar, que deve ser cumprido até você perceber que seu cabelo já está forte o bastante para resistir ao descolorante.

2 - Não exceda o tempo recomendado na embalagem do produto clareador

Já vi vários casos de pessoas que deixam a tinta clareadora ou o descolorante 'agindo' nos fios até muito além do recomendado, que é no máximo 40 minutos, e olhe lá, pois isso depende do grau de clareamento desejado e do volume do oxidante utilizado. Não faz nem mesmo sentido em deixar o produto por tempo demais no cabelo, porque depois do tempo limite recomendado já não tem mais clareamento, o produto cessa a ação clareadora mas a função 'detonadora' ainda age muito bem, ou seja, para de descolorir mas não para de danificar. Tem certeza que vale a pena correr esse risco?

Caso não tenha conseguido o clareamento desejado, invista nos produtos desamareladores e matizantes (tanto shampoos quanto máscaras e condicionadores, muitas marcas brasileiras têm linhas completas e de qualidade)  e os utilize durante a lavagem dos fios após a descoloração.

3 - Cuidado com a proporção 'pó descolorante : água oxigenada'

Muito, mas muito cuidado com isso, pois encher a mistura de pó além do recomendado pode até clarear mais, maas os danos também são potencializados, então use na proporção recomendada pelo fabricante do produto, pois é a mais segura. Lembrando que a proporção de pó descolorante com relação à quantidade de oxidante pode variar de acordo com o volume (10, 20, 30 ou 40 volumes) deste.

4 - Hidrate o cabelo semanalmente após descolorir

Para ter um cabelo saudável após um procedimento tão agressivo, é muito importante hidratar os fios regularmente, pois é uma etapa necessária no cronograma capilar tanto quanto as outras. Invista em produtos de qualidade ou em receitas caseiras que funcionem com o seu cabelo, pois é aquela coisa: cada cabelo uma sentença. Tem post sobre produtos baratinhos para Hidratação  aqui no blog.

5 - Nutra o seu cabelo

A nutrição é responsável por repor nos fios os agentes necessários para a retenção de umidade e nutrientes, ou seja, não adianta nada hidratar e não nutrir, pois a hidratação não vai durar muito tempo se o cabelo não pode "segurar" os agentes hidratantes. Para isso, é importante usar produtos como óleos naturais ou cosméticos adequados para essa etapa do cronograma capilar, e também tem post sobre nutrição econômica aqui.

6 - Faça reconstrução regularmente

A reconstrução tem por finalidade "cobrir" os buracos nos fios causado pela retirada de queratina e outros aminoácidos durante a descoloração (lembra que eu falei que a descoloração retira componentes dos fios?), e para isso geralmente se usa queratina (usar pura mesmo, líquida, borrifada nos cabelos ou misturada em um creme base, com os devidos cuidados) e compostos desta (creatina, arginina, cisteína e etc). No mercado brasileiro tem muitos produtos bons, tanto puros quanto cremes específicos para reconstrução, e vocês podem conferir opções mais acessíveis (mas nem por isso menos eficazes) aqui.

7 - Utilize bons condicionadores, cremes para pentear e finalizadores

O condicionador é muito importante para fechar as cutículas dos fios, que encontram-se mais abertas do que o normal após descolorir (afinal de contas, durante a descoloração as cutículas tiveram que se abrir para que a mistura descolorante agisse) e causam aquele aspecto de ressecamento.

Óleos para finalização, reparadores de ponta, bons cremes para pentear, protetor solar específico e similares são os produtos adequados e recomendados para se evitar pontas e duplas e permitir que os cabelos tenham mais resistência a agentes agressivos como o vento, sol e poluição  (sim, tudo isso faz muuito mal para cabelos, especialmente para cabelos descoloridos que já estão mais fragilizados do que cabelos naturais).

8 - Evite usar chapinha, modeladores a quente e secador de cabelos

Esses aparelhos que utilizam calor são terríveis para os fios, especialmente quando não se dá aos cabelos os cuidados adequados, portanto, evitem utilizá-los, pois danificam muito a estrutura capilar! Pra quem realmente não consegue abrir mão deles, recomendo que usem sempre protetor térmico de qualidade, não deixem os fios expostos ao calor durante muito tempo (por exemplo, não passe a prancha muitas vezes na mesma mecha e nem nos cabelos úmidos) e sigam o cronograma capilar à risca, rigorosamente, e isso não é exagero!

A descoloração sozinha já afina os fios, pode deixar pontas duplas, corte químico e etc, imagina então combinar isso com calor frequentemente...e não se esqueçam dos finalizadores, como citado no item 7!

9 - Tenha MUITO cuidado com escovas progressivas e relaxamentos

Primeiramente, é muitíssimo necessário saber se a química utilizada para alisar os fios é compatível ou não com o processo de descoloração, porque alguns componentes, como a guanidina por exemplo, vão detonar o seu cabelo no primeiro contato com o descolorante, podendo causar um corte químico do pior tipo!

Segundo, lembre-se que mesmo que a química para alisamento seja compatível com a descoloração, é trabalho em dobro manter um cabelo relaxado e descolorido, pois muitos agentes para alisamento (como as escovas progressivas) 'blindam' o cabelo impedindo a entrada de nutrientes, dificultando o clareamento e a penetração de componentes hidratantes, nutritivos e reconstrutores, pois as cutículas dos fios ficam muito fechadas após o processo de alisamento.

Ou seja, cabelo descolorido e alisado requer cuidados mais do que especiais, o que exige gastos adicionais e um tempo maior de dedicação.

10 - Nunca passe shampoo nas pontas

O shampoo é um produto muitas vezes agressivo (especialmente os shampoos com sulfatos e sais, e acho que não preciso nem falar sobre o shampoo anti-resíduos rsrs), por isso deve ser aplicado diretamente somente no couro cabeludo.

As pontas são as partes mais velhas do cabelo e, portanto, as mais sensíveis, e passar shampoo até as pontas em um cabelo muito descolorido (ou muito fragilizado) pode ser suicídio capilar, você vai danificar o seu cabelo desnecessariamente, pois a espuma que escorre do couro cabeludo já é o bastante para a limpeza das pontas!

dicas para cuidar de cabelos descoloridos

Essas são as dicas que eu tenho para dar pra quem quer cuidar direitinho do cabelo que já entrou em contato com descolorante ou tinturas agressivas, espero que tenham gostado e que façam bom uso delas, para que vocês tenham um cabelo lindo e sempre saudável. Lembre-se de observar sempre sinais de fragilidade nos fios para saber identificar qual fase do Cronograma Capilar é a mais adequada e, portanto, quais produtos são mais urgentes.

Caso você tenha ficado com alguma dúvida a respeito de algo ou tiver algum erro aqui, deixe seu comentário abaixo. Comente também para dar suas opiniões e suas dicas!

Se você gostou do post, assine o blog por e-mail, é só colocar o seu e-mail no local indicado na barra do lado direito ou, caso você esteja pelo celular, um pouco abaixo ao rolar a tela.